sexta-feira, setembro 18, 2020
Início Site

Participante de festa em barcos de luxo ostenta e joga dinheiro no mar em SP; VÍDEO


Homem foi flagrado sem máscara jogando diversas notas de R$ 50 na água. Festa ocorreu em Guarujá, no litoral paulista, e reuniu centenas de pessoas. Participante de festa em barcos de luxo ostenta e joga dinheiro no mar em SP
Um dos participantes de uma festa realizada no mar com dezenas de barcos de luxo em Guarujá, no litoral de São Paulo, foi flagrado jogando notas de R$ 50 na água durante o evento. As imagens, obtidas pelo G1 nesta sexta-feira (18), mostram o homem ostentando um maço de dinheiro durante a celebração, que reuniu aproximadamente 350 pessoas.
O evento ocorreu na tarde de quinta-feira (17), no Canto do Tortuga, localizado no bairro Enseada, desrespeitando as medidas de prevenção ao novo coronavírus, como o uso de máscaras de proteção e o distanciamento social. Em uma das embarcações, um homem, sem máscara e não identificado, é filmado (veja vídeo acima) enquanto joga diversas notas no mar. Ao fundo, outro participante da festa comemora a ostentação.
Notas são exibidas em vídeo durante festa com embarcações de luxo
Reprodução
Em seguida, o rapaz que joga o dinheiro vira para quem está filmando e entrega uma grande quantidade de notas de R$ 100 e R$ 50 a ele. Outras imagens mostram as embarcações reunidas e centenas de banhistas celebrando em meio a música alta e bebidas. Além de lanchas, iates e motos-aquáticas, duas escunas foram vistas com dezenas de pessoas.
Segundo apurado pelo G1, para participar da festa nas escunas, as pessoas compraram ingressos, que na quinta pela manhã já haviam esgotado. Os barcos de luxo funcionavam como uma espécie de ‘camarote’ e não precisaram pagar para participar do evento, que reuniu ao menos dois DJs. Durante a festa, uma empresária da região também celebrou seu aniversário.
O evento foi divulgado pelas redes sociais e teve centenas de confirmações de presença. Até a última atualização desta reportagem, os organizadores da festa não foram localizados.
Drone mostra festa com dezenas de barcos de luxo em meio à pandemia no litoral de SP
Proibição
Conforme os decretos municipais de enfreamento à Covid-19, em Guarujá, está proibida a aglomeração de pessoas e também a locação de embarcações e motos náuticas.
Em nota, a prefeitura ainda informa que enviou equipes da Força-Tarefa, da Guarda Civil Municipal (GCM), além de fiscais de postura e comércio para impedir a festa no fim da Praia da Enseada, no Canto do Tortuga. A operação contou, também, com o apoio da Polícia Militar.
A Capitania dos Portos de São Paulo informou que também foi acionada para fazer a retirada e as autuações das pessoas que estavam no mar. Já na areia, as equipes dispersaram os participantes, apreenderam bicicletas e identificaram uma marina que locou embarcações e será devidamente responsabilizada conforme os decretos. A multa varia de R$ 300 a R$ 9 mil.
Dezenas de barcos foram flagrados em festa no mar em Guarujá, SP
Reprodução/Jimmi Drone Guarujá
O órgão reiterou que duas equipes de Inspeção Naval da Capitania foram direcionadas ao local a fim de verificar o cumprimento da Lei sobre a Segurança do Tráfego Aquaviário e das Normas da Autoridade Marítima. A ação de fiscalização permanece em andamento. A Marinha do Brasil enfatiza que disponibiliza o telefone 185 para denúncias e emergências náuticas.
Covid-19 na Baixada Santista
A festa ocorre após a Baixada Santista registrar aumento de casos e mortes por Covid-19. Esta alta no número de confirmações foi contabilizada duas semanas após um fim de semana ensolarado, com estradas e praias lotadas na região. Segundo o último levantamento realizado pelo G1 com as nove prefeituras, a Baixada soma mais de 52.323 confirmações e 1.925 mortes causadas pelo vírus.

Líder indígena morre com Covid-19 aos 42 anos no litoral de SP


João Lira teve importante papel na luta pelos direitos indígenas e pela preservação ambiental. Líder indígena morreu com Covid-19 aos 42 anos
Reprodução/Redes Sociais
O líder indígena João Lira, da Aldeia Itapuã, morreu aos 42 anos devido a complicações da Covid-19. A aldeia que ele liderava fica em Iguape, no litoral paulista, e a morte dele gerou comoção nas redes sociais. Conforme apurado pelo G1, Lira tinha um importante papel na luta pelos direitos das comunidades indígenas e pela preservação ambiental.
João Lira estudou na Universidade de São Paulo (USP) e foi um dos pioneiros da educação escolar indígena no estado. Ele especializou-se em Letras, para melhorar a qualidade da educação pública de sua aldeia, segundo informações da Diretoria de Ensino Regional (DER).
O indígena foi candidato a deputado federal em 2018 e se preparava para uma nova candidatura, desta vez para vereador em Iguape, na próxima eleição municipal. Ele morreu nesta quinta-feira (17), após ser infectado pelo novo coronavírus. No dia 1º de setembro, ele foi internado no Hospital Regional de Pariquera-Açu e, segundo a unidade, transferido ao Hospital São João, em Registro, no dia 3.
A Diretoria de Ensino Regional, em Miracatu, publicou uma nota de pesar pelo falecimento do indígena, que era vice-diretor da Escola Estadual Indígena da Aldeia Itapuã.
“João Lira foi um grande líder. Sua luta incansável em prol da causa indígena nos faz lembrar de que somos muito mais plurais do que singulares, muito mais coletivos do que individuais, muito mais ‘nós’ do que ‘eu’ “, escreveu a DER.
A Diretoria Regional ainda afirmou que essa foi uma grande perda aos familiares, amigos e colegas de profissão, e que o indígena deixa um grande legado por sua liderança. “Certeza de que as sementes que plantou estão eternizadas em nossos corações”, publicou.
João Lira teve papel importante na luta pelos direitos indígenas
Reprodução/Redes Sociais

José Manoel de Barros: Deu ruim para o Brasil na quinta de Libertadores

É verdade que não eram jogos fáceis, pois enquanto o São Paulo enfrentava o vice-campeão River Plate, o Flamengo encarava o bom Independiente Del Valle e a altitude de Quito. É verdade que o River não jogava uma partida oficial desde março e pelo lado do Flamengo não há justificativa para o atual campeão sair goleado por 5 x 0 como foi.
Ficou clara a diferença entre São Paulo e River e o placar de 2 x 2 foi justo, mas complica a situação tricolor, que terá que buscar a classificação fora de casa, quem sabe tendo que vencer a LDU em Quito.

Pelo lado do Flamengo a classificação ainda não parece tão difícil, mas a goleada causa estragos e se já havia dúvidas sobre o novo treinador, imagina agora o nível de pressão que ele está enfrentando. Jorge Jesus também sofreu derrotas e até goleada, mas a grande dúvida é se Dome conseguirá fazer o Flamengo reagir. Já o São Paulo não está morto, mas só se classifica se conseguir dar um passo à frente e buscar a vaga fora de casa, em Buenos Ayres ou Quito. De qualquer forma se esperava mais, tanto de São Paulo quanto de Flamengo. Deu ruim para o Brasil na quinta de Libertadores.
José Manoel

VÍDEOS: TEM Notícias 2ª edição de Itapetininga desta quinta-feira, 17 de setembro


Assista aos vídeos do telejornal com notícias de Itapetininga e Região. Assista aos vídeos do telejornal com notícias de Itapetininga e Região.

Motorista que atropelou jovem e fugiu é identificado e tem carro apreendido em SP


De acordo com a Polícia Civil, carro foi encaminhado ao pátio municipal. Câmeras de monitoramento flagraram momento de acidente em Praia Grande, SP
O motorista que atropelou o motoboy de 24 anos em uma rua de Praia Grande, no litoral paulista, foi identificado e teve o carro apreendido pela Polícia Civil. Ele fugiu sem prestar socorro a vítima, que teve que ser colocada em coma induzido devido a gravidade dos ferimentos. Imagens de câmeras de monitoramento flagraram o acidente.
Lucas da Silva Marques segue em coma e está internado no Hospital Irmã Dulce. Ele voltava para casa pilotando a moto, na noite do dia 11 de setembro, após comprar um remédio para a esposa, quando ocorreu a colisão na Rua Inglês de Souza, esquina com a Rua Clodoaldo Amaral, no bairro Trevo.⁣
Conforme divulgado pela Polícia Civil, o veículo foi recolhido ao pátio municipal nesta quinta-feira (17). O caso teve grande repercussão nas redes sociais após a divulgação das imagens, já que é possível notar que o carro vem em alta velocidade e atropela o motociclista, o arremessando do veículo.
Jovem está em coma induzido e teve graves ferimentos após acidente flagrado por câmera de monitoramento
Arquivo pessoal
O capacete da vítima chega a ‘voar’ para o outro lado da via após o acidente. Além disso, o condutor do automóvel vai embora sem prestar ajuda a Lucas.
Depois do ocorrido, o motoboy teve graves fraturas, e, segundo o pai, quase veio a óbito no local, se não fosse pela ajuda de moradores da região do acidente. Familiares e amigos pedem por justiça e que o motorista do carro seja preso.
O caso segue sendo investigado pela equipe policial do 2º DP de Praia Grande.
Capacete de jovem foi parar do outro lado da via após o acidente em Praia Grande, SP
Reprodução

VÍDEOS: TEM Notícias 2ª edição de Bauru e Marília desta quinta-feira, 17 de setembro


Assista aos vídeos do telejornal com as notícias das regiões de Bauru e Marília. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias das regiões de Bauru e Marília.

VÍDEOS: Jornal da Tribuna 2ª Edição de quinta-feira, 17 de setembro


Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da Baixada Santista e do Vale do Ribeira. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias da Baixada Santista e do Vale do Ribeira.

VÍDEOS: TEM Notícias 2ª edição desta quinta-feira, 17 de setembro


Assista aos vídeos do telejornal com as notícias das regiões de Sorocaba e Jundiaí. Assista aos vídeos do telejornal com as notícias das regiões de Sorocaba e Jundiaí.

Homem invade Prefeitura de Araraquara e quebra objetos


Segundo prefeitura, ele estava transtornado, foi medicado e liberado para um familiar. Na delegacia foi lavrado um termo circustanciado. O homem quebrou objetos na entrada da prefeitura de Araraquara
A CidadeON/ Araraquara
Um homem de 23 anos invadiu a Prefeitura de Araraquara na quarta-feira (16) e quebrou vários objetos na entrada do prédio. O rapaz foi contido pela Guarda Municipal que afirmou que ele parecia transtornado.
Em nota, a prefeitura ifnormou que o homem, aparentemente desorientado e em surto, entrou no térreo do Paço Municipal, no final da tarde de quarta-feira e derrubou e quebrou alguns objetos, como vasos e divisórias.
Após ser contido pela Guarda Civil Municipal (GCM), ele foi encaminhado à Delegacia de Polícia e à Unidade de Pronto Atendimento (UPA).
“Ao constatar problemas psicológicos, o delegado responsável registrou um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO) e o encaminhou à UPA Central. Na unidade, ele foi medicado e, horas depois, em função do problema mental, foi liberado para um familiar responsável”, disse a nota da prefeitura.
Veja mais notícias da região no G1 São Carlos e Araraquara.

Pedreiro tenta atirar na ex e mata colega de trabalho dela em Bebedouro, SP, diz polícia


Suspeito não aceitava fim do relacionamento e invadiu local onde dupla trabalhava. Mulher já havia registrado 4 boletins de ocorrência por violência doméstica. Homem confessou o crime, diz delegado. Cozinheiro de restaurante morre durante briga de casal em Bebedouro, SP
Um pedreiro de 32 anos foi preso em flagrante por tentar atirar na ex-mulher e matar um colega de trabalho dela na manhã desta quinta-feira (17) em Bebedouro (SP). De acordo com a Polícia Civil, o suspeito foi até a marmitaria onde a dupla trabalhava, atirou em direção à mulher, mas o tiro acertou o cozinheiro Devanil Gomes Ferreira.
O delegado João Vitor Silvério, que investiga o caso, diz que o pedreiro Thiago do Nascimento não aceitava o fim do relacionamento com a mulher, com quem ficou por dez anos e teve dois filhos.
Há um mês, ele ameaçava Cleide Splendore Francisco de morte e chegou a ir à casa dela na noite de quarta-feira (16), mas não foi atendido.
Consta no boletim de ocorrência que, por volta das 7h, o suspeito foi até o trabalho de Cleide, no bairro Jardim Paraíso, tomou o celular do cozinheiro, levou a dupla aos fundos do estabelecimento e começou a agredir a ex com coronhadas na cabeça.
“Eles haviam acabado de chegar no trabalho. O autor aproveitou que a porta estava apenas encostada e entrou. As vítimas ouviram o barulho, acreditando que era o patrão e, quando a vítima fatal foi verificar, se deparou com o autor já armado”, diz o delegado.
Cozinheiro é morto baleado por ex de colega de trabalho em Bebedouro (SP)
EPTV/Reprodução
A mulher relatou à polícia que tentou acalmar o ex, que aparentava estar bêbado, dizendo que ia reatar o relacionamento, mas as agressões não paravam. Foi então que ela tentou segurar o braço do suspeito, mas ele conseguiu se desvencilhar e efetuou o disparo que atingiu a cabeça do cozinheiro.
De acordo com o registro da ocorrência, Thiago tentou fugir e levar Cleide junto, mas a mulher não aceitou partir e pediu que ele entregasse a arma a ela.
O suspeito atendeu ao pedido e foi embora em direção ao sítio de uma irmã, onde ele foi encontrado mais tarde pela Polícia Militar e recebeu voz de prisão.
Uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) esteve na marmitaria, mas o cozinheiro não resistiu à gravidade do ferimento. O corpo dele foi levado ao Instituto Médico Legal (IML) de Barretos (SP).
Cleide e o ex Thiago do Nascimento antes da separação em Bebedouro, SP
Arquivo pessoal
Segundo o delegado, o pedreiro confessou à polícia que matou o cozinheiro e disse que o tiro foi acidental e disse que está arrependido. Thiago foi indiciado por homicídio, lesão corporal, ameaça e violência doméstica. A Polícia Civil pediu à Justiça a conversão da prisão em flagrante em preventiva.
Ainda de acordo com o delegado João Vitor Silvério, a mulher já havia registrado quatro boletins de ocorrência por violência doméstica contra o pedreiro ao longo do casamento. Em uma oportunidade, ele chegou a ser preso.
A arma utilizada no crime, assim como a moto, o capacete e as roupas do suspeito estão sendo analisadas pelo Instituto de Criminalística (IC). Os laudos devem ajudar na conclusão do inquérito a cargo do 1º Distrito Policial de Bebedouro.
Veja mais notícias da região no G1 Ribeirão Preto e Franca

Entretenimento

São Paulo