O setor imobiliário apresenta perspectivas excelentes para o futuro, é um mercado que se desenvolve cada vez mais. O Presidente do Grupo Piran, empresa de participações em empreendimentos do ramo imobiliário, Valdir Agostinho Piran, veio mostrar algumas das principais tendências do mercado imobiliário que devem acontecer em 2022. Confira:

Divulgações mais modernas

Como estamos vivendo na era tecnológica não poderia ser diferente. Para se destacar no mercado competitivo, os profissionais precisam atualizar suas ferramentas de divulgação. As plataformas online, os sites de marketing e as redes sociais estão tomando o lugar dos antigos anúncios de jornais. Como o mundo está cada vez mais tecnológico, os profissionais também precisam estar.

Corretores mais qualificados

Ainda sobre a competitividade do mercado, ao que tudo indica os profissionais estarão mais preparados a fim de se destacar e assim, não perderem seus cargos ou conquistarem vagas melhores, comenta Valdir Agostinho Piran. Como ferramenta de potencialização de vendas, as imobiliárias e construtoras vão investir em treinamentos para possuírem os melhores profissionais.

Compras e locações em conjunto

Você já ouviu falar dessa prática? O conceito de coliving e coworking trata-se da compra ou locação de um imóvel para ser habitado por um grupo de pessoas, podendo ser um espaço destinado ao trabalho ou à moradia. Em países da Europa e nos Estados Unidos, esse estilo para dividir os custos já é bem popular. No Brasil está começando a se desenvolver.

Alteração nos padrões de residência

Uma tendência que já faz parte dos últimos anos e agora vem crescendo mais ainda, principalmente pela influência da pandemia, é uma mudança significativa no perfil das propriedades, comenta Valdir Agostinho Piran. As buscas por moradias que possuem espaço de escritório para atuar no home office e de espaços para lazer e atividade física, estão visivelmente maiores.

Uso da tecnologia para compra e locação de imóveis

Novamente as influências da tecnologia estão se mostrando mais presentes no mercado imobiliário, explica Valdir Agostinho Piran. Exemplos disso são a utilização de drones para captação de imagens aéreas ou os processos burocráticos que estão sendo realizados completamente online. Esperamos que essas tendências colaborem de alguma forma com a sua atuação no ramo imobiliário.  

Artigo anteriorJulio Cesar Hintemann Filho elenca dicas para você investir sem medo em ações
Próximo artigoMitos financeiros para não acreditar mais

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui