O ministro Marco Aurélio Mello, do Supremo Tribunal Federal, negou, nesta terça-feira, 23, a ação protocolada pelo presidente Jair Bolsonaro que visava derrubar os decretos, com medidas restritivas contra a Covid-19, impostas pelos governadores do Distrito Federal, Ibaneis Rocha (MDB), da Bahia, Rui Costa (PT), e do Rio Grande do Sul, Eduardo Leite (PSDB).

Mais informações em instantes.