O presidente do Senado Federal, Rodrigo Pacheco (DEM), afirmou nesta quinta-feira, 11, que os culpados pelas dificuldades do Brasil na pandemia do coronavírus serão encontrados e responsabilizados. No entanto, segundo ele, o momento atual é de união para garantir a vacinação dos brasileiros. A declaração do senador aconteceu durante um evento online da Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias. “Ninguém quer simplesmente achar culpados pelas nossas deficiências e dificuldades de enfrentamento da pandemia, os culpados serão encontrados, os culpados serão responsabilizados no Brasil. Mas, nesse instante, o que se impõe a todos nós, poderes, instituições e iniciativa privada, é uma união em torno daquilo que todos nós esperamos para salvar vidas e salvar a economia do Brasil, que é a vacinação em grande escala”, disse.

Também presente ao evento, o vice-presidente da Câmara dos Deputados, Marcelo Ramos (PL) defendeu a atualização dos valores do teto dos imóveis para a faixa 1,5 do programa habitacional Casa Verde e Amarela. A medida, segundo ele, é necessária ao considerar o que classificou como “boom dos insumos da construção civil”. Ramos afirmou ainda que tem discutido a ideia de um Código Ambiental Urbano. “Nós não podemos ter um código florestal que foi feito para áreas de floresta regulando espaços urbanos consolidados. Você não pode ter a mesma regra de APP em uma área de floresta para uma área urbana consolidada”, afirmou. O presidente da Caixa Econômica Federal, Pedro Guimarães, disse que está discutindo a possibilidade de dar mais seis meses de carência para o pagamento de prestações do programa habitacional. De acordo com ele, houve pausas de pagamento para mais 2,6 milhões de famílias. Ele não deu detalhes sobre a nova linha de crédito, mas afirmou que ela será anunciada nas próximas semanas.

*Com informações da repórter Nicole Fusco