A mãe do empresário Luciano Hang, dono das lojas Havan, morreu nesta quarta-feira, 3, em decorrência de complicações da Covid-19 pouco mais de um mês após testar positivo para a doença. Regina Modesti Hang, de 82 anos, foi internada em um hospital da cidade de São Paulo poucos dias antes do filho e da nora, que receberam alta no fim de janeiro. Ela, que tinha o costume de acompanhar o filho em inaugurações de lojas pelo país, teve 95% do pulmão comprometido pela doença e precisou ser intubada. No dia em que Hang recebeu alta, ele pediu orações para a mãe e afirmou que a mulher seguia “melhorando a cada dia”.

Nesta quinta-feira, 4, Hang publicou uma homenagem para Regina Modesti nas redes. “A dor de perder uma mãe é inexplicável, é um buraco enorme que se abre no peito, mas logo será preenchido por saudades e boas lembranças dos momentos únicos que compartilhamos juntos. Minha mãe, como todas as mães, são anjos da guarda que Deus escolhe para enviar a Terra e cuidar de nós”, afirmou. O empresário afirmou que a cerimônia de despedida será familiar e agradeceu ao apoio e o carinho dos amigos. Entre as mensagens de pesar recebidas pelo dono da Havan, estavam textos do ex-BBB Pyong Lee, do chef Carlos Bertolazzi e do empresário João Adibe.