O governador de São Paulo, João Doria (PSDB), anunciou em coletiva de imprensa desta sexta-feira, 29, que o ponto facultativo do feriado de carnaval foi cancelado no estado. Segundo Doria, a decisão foi tomada em conjunto com a Prefeitura de São Paulo por recomendação do Centro de Contingência do Coronavírus. “O feriado está suspenso nas repartições e em todos os serviços públicos no estado de São Paulo. Terão expediente regular nos 15, 16 e 17 de fevereiro”, explicou o governador. A medida visa evitar aglomerações, festas de carnaval e encontros.

“Estamos em uma segunda onda da Covid-19. Não é razoável que festividades venham a ocorrer diante de situação tão trágico e tão difícil. Nós, evidentemente, não estamos impedindo, nem poderíamos proibir as pessoas de viajarem, mas não teremos feriado de carnaval”, disse. O secretário de Desenvolvimento Regional, Marco Vinholi, afirmou que o governo do estado tomando essa decisão, todas as prefeituras têm a prerrogativa no que tange aos serviços municipais. A prefeitura da capital de São Paulo já tomou a decisão de suspender o ponto facultativo. “A nossa recomendação, assim como a da Associação Paulista de Municípios, é que sigam essa prerrogativa da ciência e da medicina”, afirma Vinholi.