O índice Stoxx 600 Europe terminou o dia em queda de 0,88%, em Frankfurt, o DAX recuou 1,24% e, em Londres, o FTSE 100 perdeu 0,68%. Após os ganhos consistentes dos índices acionários europeus desde a semana passada, os investidores realizaram lucros nesta quinta-feira (12), refletindo também as preocupações com o avanço da pandemia de Covid-19 no mundo.
O índice Stoxx 600 Europe terminou o dia em queda de 0,88%, aos 385,16 pontos. Em Frankfurt, o DAX recuou 1,24%, a 13.052,95 pontos e, em Londres, o FTSE 100 perdeu 0,68%, aos 6.338,94 pontos.
Em Paris, o CAC 40 cedeu 1,52%, fechando aos 5.362,57 pontos. Em Milão e Madri, as referências perderam 0,83% e 0,87%, respectivamente.
“À medida que a euforia da vacina desaparece e a realidade do aumento dos casos da doença na UE e nos EUA chega às manchetes, achamos que haverá um retrocesso no final da semana”, disse Rony Nehme, analista-chefe de mercado da Squared Financial.
Pandemia
A situação do novo coronavírus nos Estados Unidos está piorando, com o país batendo mais um recorde de casos na quarta-feira (11). Christophe Barraud, economista-chefe e estrategista da Market Securities em Paris, apontou que os dados de pequenas empresas mostram uma discrepância na atividade nos EUA entre os Estados do norte, em climas mais frios, e os Estados do sul, em climas mais quentes.
EUA batem novo recorde de casos diários
Ele espera que mais Estados se juntem a Nova Jersey e Wisconsin na implementação de novas restrições, já que as hospitalizações devem aumentar.
Em Nova York, o governador Andrew Cuomo anunciou que os bares e restaurantes com licença estadual de bebidas alcoólicas devem fechar às 22h, e disse que os encontros fechados devem ser limitados a 10 pessoas. Os casos no Estado atingiram o maior nível desde abril, enquanto a taxa positiva de infecção se aproximou do limite de 3%, o que forçaria as escolas a fecharem.
“Portanto, num contexto em que a recuperação econômica já perdeu força, as próximas restrições drásticas provavelmente resultarão em outra contração do PIB já no quarto trimestre”, disse Barraud.
Após bloqueios em toda a Europa, o crescimento no número de novos casos no continente caiu, mas ainda é elevado, de acordo com dados do Centro Europeu para Prevenção e Controle de Doenças.
Os dados do Reino Unido mostraram que o PIB se recuperou ligeiramente abaixo da previsão de 15,5% no terceiro trimestre. Samuel Tombs, economista-chefe do Reino Unido da Pantheon Macroeconomics, disse que o Produto Interno Bruto provavelmente não foi maior em outubro do que em setembro e irá despencar em novembro devido aos novos bloqueios.
Destaques
No noticiário corporativo, o conglomerado alemão Siemens recuou 3,23%, mesmo após reportar lucro do quarto trimestre fiscal ligeiramente acima das estimativas.
A Ubisoft avançou 4,61%. O fabricante francês de videogames disse que o número de jogadores ativos no dia do lançamento de “Assassin’s Creed Valhalla” dobrou em relação ao de “Assassin’s Creed Odyssey”.
Já a Burberry Group recuou 2,27%, mesmo após a varejista de luxo ter dito que as vendas comparáveis não caíram tanto quanto o antecipado em seu primeiro semestre fiscal encerrado em 30 de setembro.
Vídeos: Últimas notícias de economia