A melhora nas vendas, segundo a empresa, foi impulsionada pela maior movimentação via drive-thru e por uma ação de marketing. Restaurante do McDonald’s na rua Henrique Schaumann, em Pinheiros, São Paulo
Fábio Tito/G1
O McDonald’s anunciou nesta quinta-feira (9) que suas vendas aumentaram 4,6% no terceiro trimestre de 2020, nos Estados Unidos, na comparação com o mesmo período de 2019, representando uma recuperação ante o choque inicial da pandemia da Covid-19.
No trimestre anterior, as vendas nos EUA haviam caído 8,7% em relação ao ano anterior, diante dos fechamentos das lojas. A rede não divulgou os números dos lucros do trimestre. A empresa deve divulgar os resultados completos do período em 9 de novembro.
A melhora nas vendas, segundo a empresa, foi impulsionada pela maior movimentação via drive-thru e pela ação de marketing com o rapper Travis Scott.
A empresa também anunciou o aumento do pagamento de seus dividendos trimestrais em 3%, para US$ 1,29 por ação, que equivale a um dividendo anual de US$ 5,16 por ação.
Travis Scott foi a primeira celebridade a figurar no menu desde o ícone do basquete Michael Jordan, que emprestou seu nome a uma refeição, o McJordan, em 1992. Na segunda-feira, o McDonald’s fechou um acordo de marketing com o artista de reggaeton J Balvin, que consiste em um combo com o nome do artista.