Receita total da rede de fast food caiu cerca de 2%, para US$ 5,42 bilhões no terceiro trimestre. O McDonald’s divulgou receita acima das estimativas para o terceiro trimestre nesta segunda-feira (9), conforme clientes nos Estados Unidos fizeram mais pedidos por aplicativos e pelo drive-thru durante a pandemia de Covid-19.
No entanto, a maior rede de fast food do mundo disse que os negócios estão sendo pressionados em mercados-chave fora dos Estados Unidos, incluindo França, Alemanha e Reino Unido, diante de novas medidas de isolamento social.
McDonald’s
Mariana Bazo/Reuters
Mesmo antes das novas restrições, a recuperação das vendas do McDonald’s no exterior havia sido lenta em comparação com os EUA, onde seu grande número de lojas com drive-thru lhe deu uma vantagem sobre os rivais. Quase 95% das 14 mil lojas do McDonald’s nos EUA têm drive-thru.
A receita total do McDonald’s caiu cerca de 2%, para US$ 5,42 bilhões no terceiro trimestre, recuperando-se em grande parte da queda de mais de 30% registrada no trimestre anterior. Analistas, em média, estimaram receita de US$ 5,40 bilhões, segundo dados da Refinitiv.
O lucro líquido cresceu 10%, para US$ 1,76 bilhão, ajudado pelos ganhos com a venda de parte da participação do McDonald’s em sua subsidiária japonesa.
Excluindo esses ganhos, a empresa lucrou US$ 2,22 por ação.
Assista as últimas notícias de economia