Pesquisa Ibope divulgada nesta segunda-feira, 9, mostra o ex-prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes (DEM), na liderança da corrida pela Prefeitura da cidade. Paes tem 33% das intenções de voto, seguido pelo atual prefeito, Marcelo Crivella (Republicanos), com 15%, Martha Rocha (PDT), com 14%, e pela deputada federal Benedita da Silva (PT), com 9%. Foram ouvidos 1.204 eleitores entre os dias 7 e 9 de novembro, e a margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança utilizado é de 95%. Isso quer dizer que há uma probabilidade de 95% de os resultados retratarem o atual momento eleitoral, considerando a margem de erro.

Confira abaixo os percentuais de intenção de voto para os candidatos à Prefeitura do Rio de Janeiro:

  • Eduardo Paes (DEM): 33%
  • Marcelo Crivella (Republicanos): 15%
  • Martha Rocha (PDT): 14%
  • Benedita da Silva (PT): 9%
  • Luiz Lima (PSL): 4%
  • Renata Souza (PSOL): 3%
  • Bandeira de Mello (Rede): 2%
  • Fred Luz (Novo): 1%
  • Paulo Messina (MDB): 1%
  • Clarissa Garotinho (Pros): 1%
  • Cyro Garcia (PSTU), Glória Heloiza (PSC), Henrique Simonard (PCO), Suêd Haidar (PMB) foram citados, mas não alcançaram 1%
  • Brancos e nulos: 12%
  • Não sabem/Não responderam: 4%

Em relação ao levantamento anterior do Ibope, divulgado em 30 de outubro:

  • Eduardo Paes foi de 32% para 33%
  • Crivella foi de 14% para 15%
  • Martha Rocha se manteve com 14%
  • Benedita da Silva se manteve com 9%
  • Luiz Lima se manteve com 4%
  • Renata Souza foi de 2% para 3%
  • Bandeira de Mello se manteve com 2%
  • Fred Luz se manteve com 1%
  • Paulo Messina se manteve com 1%
  • Clarissa Garotinho foi 0% para 1%
  • Cyro Garcia, Glória Heloiza, Henrique Simonard e Suêd Haidar se mantiveram com menos de 1%
  • Brancos e nulos foram de 15% para 12%
  • Não sabem/não responderam foram de 5% para 4%

Rejeição 

A pesquisa Ibope também perguntou em qual candidato os eleitores não votariam de jeito nenhum, para medir o índice de rejeição. O prefeito Marcelo Crivella é rejeitado por 58% dos eleitores, seguido por Clarissa Garotinho (31%), Benedita da Silva (28%), Eduardo Paes (28%), Cyro Garcia (13%), Martha Rocha (11%), Luiz Lima (11%), Paulo Messina (10%), Renata Souza (8%), Fred Luz (8%), Bandeira de Mello (8%), Glória Heloiza (8%), Suêd Haidar (8%), Henrique Simonard (7%) – os entrevistados podiam optar por mais de um candidato, por isso a soma total ultrapassa os 100%.

Segundo turno 

Nos cenários considerados para um eventual segundo turno, Eduardo Paes seria eleito prefeito do Rio de Janeiro. O candidato do DEM venceria Marcelo Crivella, Martha Rocha e Benedita da Silva (veja os números abaixo).

  • Eduardo Paes 53% x 21% Marcelo Crivella; Brancos e nulos: 21%; Não sabem: 4%
  • Eduardo Paes 45% x 32% Martha Rocha; Brancos e nulos: 18%; Não sabem: 5%
  • Eduardo Paes 49% x 23% Benedita da Silva; Brancos e nulos: 23%; Não sabem: 5%
  • Martha Rocha 52% x 22% Marcelo Crivella; Brancos e nulos: 21%; Não sabem: 6%
  • Martha Rocha 45% x 25% Benedita da Silva; Brancos e nulos: 22%; Não sabem: 8%
  • Benedita da Silva 40% x 26% Marcelo Crivella; Brancos e nulos: 27%; Não sabem: 7%