A rede social Twitter apresentou instabilidade para usuários do Brasil, da Europa, dos Estados Unidos e até mesmo do Japão na tarde desta quinta-feira, 15. Por volta das 18h30, no horário de Brasília. Cerca de 20 minutos após o início do problema, o site “down detector”, plataforma colaborativa para usuários reclamarem sobre problemas técnicos em plataformas online, reportou mais de 50 mil casos de pessoas com problemas de acesso.

Quase duas horas depois do registro de instabilidade, a plataforma voltou a funcionar e o assunto “Twitter voltou” se tornou um dos tópicos mais comentados nas rede. Apesar do problema que causou a queda não ter sido identificado, a rede social descartou uma suposta invasão hacker como causa da queda. “Nós estamos trabalhando para fazê-lo voltar a funcionar para todos. Tivemos alguns problemas com nossos sistemas internos e não temos nenhuma evidências de brechas na segurança ou invasão hacker”, afirmou em comunicado.